Teatro Folha  
 

Área Público VIP

Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos e promoções exclusivas Cadastrar
Esqueci a senha
Os Três Porquinhos


Estreou 01/11/03

Temporada até 25/01/2003



 

O Espetáculo

O espetáculo "Os Três Porquinhos", que leva a assinatura da Cia. Le Plat du Jour, foi considerado pelos críticos e público um dos melhores infantis da Cidade e faz uma nova temporada a partir de 01 de novembro no Teatro Folha.

A Cia Le Plat du Jour tem se dedicado à adaptação de contos clássicos da literatura infantil, e desta vez, conta a história de "Os Três Porquinhos", num espetáculo irreverente, que utiliza a linguagem do clown como fio condutor.

A história é contada a partir de dois "açougueiros", Pipo e Pepe, que têm um açougue muito diferente. Nele há todo tipo de carne: carne de óculos,carne de bicicleta, carne de martelo, carne de banana, tudo menos carme de verdade. A confusão é armada quando um cliente pede "carne de porco" e um dos açougueiros vai parar na clássica história "Os Três Porquinhos" para conseguir a carne tão almejada.

Muitas aventuras e situações inusitadas vão acontecer, sempre com muito humor, música e interação com o público infantil.

 

Concepção

Com esta peça, a Cia. Le Plat du Jour continua sua investigação que desenvolve uma linguagem teatral própria agregando recursos como técnicas de palhaço, mímica, canto, teatro físico, manipulação de objetos e o non-sense aos seus espetáculos.

Esta versão de "Os Três Porquinhos", um dos mais populares contos infantis,apresenta-se cheia de leveza, humor e muita brincadeira.

 

Por quê?

A opção da Cia. Le Plat du Jour pelo conto infantil tem por objetivo extrair uma complexa rede de reflexões sobre o universo da criança e consequentemente, sobre o fazer teatral. Através da história "Os Três Porquinhos", a criança recebe ludicamente um grande ensinamento advindo do confronto entre o princípio do prazer e o princípio da realidade: a supremacia deste último, ou seja, o trabalho vale mais que a preguiça.

Além deste tema central, mais importante do que o final feliz em si, são transmitidas várias mensagens - por isso a riqueza do canto - como por exemplo, a valorização da maturidade, pois o mais sábio dos porquinhos é naturalmente o mais velho; o progresso e a evolução do homem, uma vez que de uma casa de palha desajeitada evolui-se para uma casa de madeira sólida; o desenvolvimento da inteligência, pois é através dela que se pode derrotar o mais terrível dos oponentes, entre outras.

 

Sobre a Cia.

A Cia Le Plat du Jour, formada por Alexandra Golik e Carla Candiotto, surgiu em Paris no amo de 1991, onde começou a desenvolver um linguagem cômica e física, mais especificamente ligada ao palhaço. Lá produziram esquetes como "Las Olas e el Viento", "Mon Hommo", "Le Petit Chaperon Rouge" e atuaram na peça "Coup de Chance".

Ainda em Paris, conceberam a primeira versão da peça "As Filhas de Lear", uma adaptação da tragédia "Rei Lear", de Shakespeare, que foi trazida a São Paulo. Após um ano de apresentações na capital paulista, a atriz Carla Candiotto retornou à Europa, onde atuou em várias produções com a Cia. Trêatré Sans Frontieres na Inglaterra, Escócia e França.

Alexandra Golik continuou produzindo espetáculos pela Cia. Le Plat du Jour, como "Comédias Exemplares" de Miguel de Cervantes,"Filme B", criação do Le Plat du Jour, "Woyzeck" de Georg Buchner, "Na Selva das Cidades", de Bertold Brecht, "Um Deus Cruel", de Alberto Guzik e "Kilocaloria", de Alexandra Golik.

Carla Candiotto retornou ao Brasil e junto a Alexandra Golik retomaram a parceria remontando a peça, "As Filhas de Lear" com direção de Gabriel Chame Buendia e Roberto Camargo. Desde estão produziram e criaram os espetáculos "Chapeuzinho Vermelho" do conto homônimo dos Irmãos Grimm, sob direção de Fernando Escrich (espetáculo premiado pela APCA - "Grande Prêmio da Crítica" de 2001 e indicado ao prêmio PANAMCO, nas categorias: melhor infantil, melhor figurino e melhores atrizes - Alexandra Golik e Carla Candiotto) e "Insônia" de Alexandra Golok, sob direção do Le Plat du Jour e Alexandre Roit.

 


Elenco

Alexandra Golik e Carla Candiotto



Fotos

 

ostresporquinhosostresporquinhos




Ficha Técnica

Criação: Alexandra Golik,Carla Candiotto e Alexandre Roit

Direção: Alexandre Roit

Cenografia e Figurinos: Luciana Bueno

Figurinista Assistente: Olindo Malaquias

Adereços: Ivaldo de Melo

Execução de Cenografia: Nani Brisque,José Godoi e Sandra Helena Nunes

Iluminação: Rodrigi Matheus

Trilha Sonora: Marco Boaventura e Gustavo Bernardo

Arte: Cynthia Vasconcellos

Produção e Realização: Le Plat du Jour

 

 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Banner
Banner
Banner
rodape
Alpha FM Gabel 68 1900 Set Grafica america Galetos Wraps Folha CSN Pro Security Alucar Conteudo Teatral Wickbold Dudalina Netshoes Movida Ativa Log